InícioNotíciasNova PetrópolisRuas do Vale do Caí serão isoladas para implosão da ponte

Ruas do Vale do Caí serão isoladas para implosão da ponte

As ruas e estradas de Nova Petrópolis que levam à antiga ponte sobre o Rio Caí serão isoladas às 8h30 desta quinta-feira, 27 de junho, para o serviço de implosão da antiga estrutura. A BR-116 será fechada na goleira próxima à antiga ponte. Já as ruas que levam a Linha Temerária e São José do Caí serão fechadas 800 metros antes da BR-116. Também haverá restrições nos acessos à ponte em Caxias do Sul. A previsão é de liberação do trânsito às 9h20 da quinta-feira.

De acordo com a empresa responsável pelo serviço de implosão da ponte, serão utilizados 2.000 quilos de dinamite. Os explosivos estão sendo instalados nesta quarta-feira, 26 de junho, e a implosão ocorrerá mesmo com chuva.

Homens do Exército Brasileiro já atuam na vigilância da região e farão também o monitoramento dos acessos à ponte durante a implosão.

Ainda conforme a empresa responsável, em Nova Petrópolis não há necessidade de desocupação de casas durante a implosão.

Além de executar a implosão, a empresa é responsável pela remoção e destinação dos resíduos contaminados, como é o caso da massa asfáltica que revestia a pista da ponte.

De acordo com o Arquivo Histórico Municipal “Linho Grings, de Nova Petrópolis, a ponte que liga a Caxias do Sul foi inaugurada em 1941, com a presença do presidente da República, Getúlio Vargas.

No dia 12 de maio de 2024, a cheia do Rio Caí provocou o deslocamento da estrutura, levando à sua interdição e posterior condenação. A obra da nova ponte teve início no dia 4 de junho de 2024, com a presença do ministro dos Transportes, Renan Filho. A implosão da antiga ponte é uma das etapas deste projeto, que tem prazo contratual de oito meses.

Fonte|Foto: Prefeitura de Nova Petrópolis |
Mais Notícias

Roteiros em Destaque