quarta-feira, 12 jun 2024
InícioNotíciasGeraisAjuda humanitária da Azul atingiu mais de 2.500 toneladas e precisou além...

Ajuda humanitária da Azul atingiu mais de 2.500 toneladas e precisou além dos voos para chegar até o sul

A Azul, maior companhia aérea em número de voos diários e destinos atendidos no Brasil, tem unido esforços não apenas entre suas equipes e unidades de negócios, mas também junto a seus parceiros para acelerar a ajuda humanitária ao Rio Grande do Sul.

Para cumprir, em tempo recorde, a entrega de todas as doações recebidas em seus mais de 500 postos de arrecadação – ou seja, suas bases nos aeroportos, seus hangares e suas lojas da Azul Cargo e da Azul Viagens pelo país –, a companhia precisou ir além da ampla capilaridade da sua malha aérea, da diversidade de sua frota e das centenas de voos extras especialmente dedicados à essa missão.

As equipes das áreas na Azul que cuidam de aeroportos e cargas trabalharam em um plano paralelo para garantir que o transporte de mantimentos, itens essenciais e todo o tipo de donativos também pudesse ser feito por terra e pelo mar. E, com a ajuda de parceiros – que ofereceram o serviço gratuitamente ou a preço de custo – e também dos serviços da Marinha do Brasil, caminhões e containers com boa parte das toneladas doadas conseguiram chegar até os desabrigados do Sul do país, por rodovias e por via marítima.

Segundo Daniel Tkacz, vice-presidente de Operações da Azul, responsável pela coordenação deste trabalho, essa mobilização e apoio foi essencial para que a Azul pudesse dar vazão ao resultado da sua campanha interna e externa de arrecadação, que foi um sucesso maior do que o esperado. “Temos orgulho de ver que já transportamos a maioria das doações e faltam cerca de 500 toneladas para entregarmos, com segurança e agilidade, as doações que ainda estão em nossas bases”, conta.

Mesmo quando o último item chegar ao destino, a ajuda humanitária organizada pela Azul continua. Mas, agora, de outra forma. A companhia criou um Fundo Social Humanitário para angariar recursos e prestar apoio às pessoas impactadas pela tragédia climática no Rio Grande do Sul. Mas o objetivo é ainda mais abrangente. A Azul deve manter esse Fundo para apoiar futuramente vítimas de desastres naturais e crises sociais de grandes proporções. As doações, sempre em espécie e sem valor mínimo, poderão ser efetuadas via transação bancária. Os dados da conta são: Banco Itaú, Ag. 0910, C/C 0099704-8, Associação Voar, CNPJ 35094152/0001-85.

Fonte|Foto: Azul Imprensa |
Mais Notícias

Roteiros em Destaque